A HISTÓRIA DOS SIGNOS

 

 

Escrito por: Graziella Marraccini 

……….E naquela manhã, deus compareceu ante suas doze Crianças e em cada uma delas plantou a semente da vida humana. Uma por uma, cada criança deu um passo à frente para receber o Dom que lhe cabia.

“Para ti ÁRIES, dou a primeira semente, para que tenhas a honra de plantá-la. Para cada semente que plantares, mais outro milhão de sementes se multiplicará em tuas mãos. Não terás tempo de ver a semente crescer, pois tudo o que plantares criará cada vez mais e mais para ser plantado. Tu serás o primeiro a penetrar o solo da mente humana levando Minha Idéia. Mas não cabe a ti alimentar e cuidar dessa Idéia, nem questioná-la. Tua vida é ação, e a única ação que te atribuo é a de dar o passo inicial para tornar os homens conscientes da Minha Criação. Por esse trabalho, Eu te concedo a virtude do Respeito por Ti Mesmo”.
Silenciosamente Áries, retornou ao seu lugar.

“A ti, TOURO, Eu dou o poder de transformar a semente em substância. É grande a tua tarefa, e requer paciência, pois tens de terminar tudo o que foi começado, para que as sementes não sejam dispersadas pelo vento. Não deves, assim, questionar, e também não deves mudar de idéia no meio do caminho, nem depender dos outros para a execução do que te peço. Para isso Eu te concedo o Dom da Força. Trata de usá-la sabiamente”.
E Touro voltou lentamente ao seu lugar.

“A ti, GEMEOS, Eu dou as perguntas e as respostas, para que possas levar a todos um entendimento daquilo que o homem vê ao seu redor. Tu nunca saberás por que os homens falam ou escutam, mas em tua busca pela resposta encontrarás o Meu Dom, reservado para ti: o Conhecimento”.
E Gêmeos voltou rapidamente ao seu lugar.

“A ti CANCER, atribuo a tarefa de ensinar aos homens a emoção. Minha idéia é que provoques neles risos e lágrimas, de modo que tudo o que eles vejam e sintam desenvolva uma plenitude desde dentro. Para isso Eu te dou o dom da Família, para que tua plenitude possa multiplicar-se.”
E Câncer voltou ao seu lugar.

“A ti LEO, atribuo a tarefa de exibir ao mundo Minha Criação em todo o seu esplendor. Mas deves ter cuidado com o orgulho, e sempre lembrar que é Minha Criação, e não tua. Se o esqueceres, será desprezado pelos homens. Há muita alegria em teu trabalho, basta fazê-lo bem. Para isso te concedo o Dom da Honra.”
E Leo voltou, majestosamente ao seu lugar.

“A ti, VIRGO, peço que empreendas um exame de tudo o que os homens fizeram com a Minha Criação. Terás de observar com perspicácia os caminhos que percorrem, e lembrá-los de seus erros, de modo que através de ti, Minha Criação possa ser aperfeiçoada. Para que assim o faças, Eu te concedo o dom da Pureza de Pensamento”.
E Virgo, voltou pensativamente ao seu lugar.

“A ti LIBRA, dou a missão de servir, para que o homem esteja ciente de seus deveres para com os outros, para que ele possa aprender a cooperação assim como a habilidade de refletir o outro lado das suas ações. Hei de levar-te aonde quer que haja discórdia, e por teus esforços te concederei o Dom da Paz”.
E Libra retornou ao seu lugar.

“A ti, SCORPIO, darei uma tarefa muito difícil. Terás a habilidade de conhecer a mente dos homens, mas não te darei a permissão de falar sobre o que aprenderes. Muitas vezes te sentirás ferido por aquilo que verás e em tua dor te voltarás contra Mim, esquecendo que não sou Eu, mas a perversão da Minha Idéia que te faz sofrer. Verás tanto e tanto do ser humano, que chegarás a conhecer o homem enquanto animal, e lutarás tanto com os instintos animais de ti mesmo, que perderás o teu caminho; mas, quando finalmente voltares a mim, Scorpio, terei para ti o Dom supremo da Finalidade”.
E SCORPIO retornou ao seu lugar.

SAGITÁRIO, a ti Eu peço que faças os homens rirem, pois entre as suas distorções da Minha Idéia, eles se tornam amargos. Através do riso, darás ao homem a esperança, e através da esperança voltarás os seus olhos novamente para Mim. Chegarás a ter muitas vidas, ainda que só por um momento, e em cada vida que atingires, conhecerás a inquietação. A ti, Sagitário, darei o dom a Infinita Abundância, para que te possas expandir o bastante até atingir cada recanto onde haja escuridão e levar até ele a esperança e a Fé”.
E Sagitário voltou ao seu lugar.

“De ti, CAPRICORNIO, quero o suor da tua fronte, para que possas ensinar aos homens o trabalho. Não é fácil a tua tarefa, pois sentirás todo o labor dos homens cair sobre os teus ombros; mas, pelo jugo de tua carga, ponho em tuas mãos a Responsabilidade sobre o caminho do homem.”
E Capricórnio tornou pensativamente ao seu lugar.

“A ti, AQUARIUS, dou o conceito do futuro, para que através de ti o homem possa ver outras possibilidades. Terás a dor da solidão, pois não te permito personalizar o Meu amor. Mas, para que possas voltar os olhares humanos em direção a novas possibilidades, eu te concedo o dom da Liberdade, de modo que, livre, possas continuar a servir a humanidade onde quer que ela necessite de ti”.
E Aquárius retornou ao seu lugar.

“A ti, PISCES, dou a mais difícil tarefa de todas. Peço-te que reúnas todas as tristezas dos homens e as tragas de volta para Mim. Tuas lágrimas serão, no fundo, Minhas lágrimas. A tristeza e os padecimentos que terás de absorver, são o efeito das distorções impostas pelo homem à Minha Idéia, mas cabe a ti levar até ele a Compaixão, para que ele possa tentar de novo. Por essa tarefa supremamente difícil, Eu te faço o dom mais alto de todos. Tu serás o único de Meus doze filhos que Me compreenderá. Mas este Dom do Entendimento é só para ti, Pisces, pois quando tentares difundi-lo entre os homens, eles não te escutarão”.
E Pisces voltou pensativo ao seu lugar.

E então d

EUS disse: “Cada um de vós tem uma parte da Minha Idéia. Não deveis confundir a parte com o todo dessa Idéia, nem podereis negociar vossas partes entre vós. Pois cada um de vós é perfeito, mas não compreendereis isso até que vós Doze sejais Um. Pois então o Todo de Minha Idéia será revelado a cada um de vós”

E as Doze crianças foram embora, cada uma determinada a executar seu trabalho da melhor maneira, para poder receber o dom que lhe havia de caber. Mas nenhum entendeu plenamente sua tarefa, e quando voltaram, confusos, Deus disse: “Cada um de vós acredita que o Dom do outro é melhor. Por isso eu permitirei que negocieis entre vós”. E, por um momento, cada criança ficou entusiasmada, imaginando as possibilidades da nova missão.

Mas Deus sorriu e disse: “Voltareis a Mim muitas vezes, pedindo-me para serdes liberados de vossas missões. E em cada ves que isso acontecer, Eu entenderei vosso pedido. Passareis através de inumeráveis encarnações antes que a missão originária que vos prescrevi esteja completada. Dou-vos um tempo infinito para que a completeis, pois só quando estiver terminada a missão é que podereis estar Comigo”.

Os opostos!

Imagem

Na vida tudo passar, tudo vem e vai numa interminável dança como as ondas do mar, os opostos se complementam, amor e ódio, morte e vida, luz e escuridão, são necessários eles nos diferencia dos demais animais, pois temos sentimentos no final das contas é o que pesar.

Na vida somos nossos próprios deuses, no nosso âmago sabemos que nada surgirá como mágica, pois o amor é o que temos de mais próximos da magia e ainda assim vem falhando com mais fervor ultimamente.

Na morte somos os deuses dos outros, por acharem que estaremos na graça d’um criador

Na luz somos o bem, o bem que sempre vencerá no final

Na escuridão somo o mal, o mal que sempre nos espreita nas nossas horas mais dolorosas quando perdemos a fé em nos mesmos.

No desespero vemos ele surgir como sons de trovoadas em dias de tempestade forte

Mas no final é sempre a serenidade de um belo céu azul que fica

Pois até ser certo que uma tempestade venha logo após outra, mas são necessárias para que na manhã seguinte a luz do sol pareça tão espetacular como o vislumbre do primeiro diamante.

Na Morte!

Imagem

Quando uma pessoa querida caminha para os serenos braços da morte de certo se continua a vida, ela sempre continua afinal ela (a vida) precisa apresenta-nos o ARMAGEDOM, ou o Juízo Final, o dia de decisão de contas 

Enfim, Na MORTE, dentre aqueles que deixamos para trás sempre haverá dois grupos de pessoas os FORTES estescom deus.

 enfrentam a perca como sonâmbulos, e os FRACOS que
se deita de bom grado na cama da depressão.

Dos dias fervorosos de nossas vidas quando no OUTONO o aroma de suculentas frutas enchia-nos as narinas estava lá rindo, abraçando, beijando, correndo de braços dados pelos grandes campos, felizes estava quente e confortável, mas agora só há um corpo frio, a alegria tinha se desvanecido como naqueles sonhos que tivemos no ultimo VERÃO, naquele verão quando numa garoa sob a luz dourada do sol estávamos encharcados eram momentos perfeitos, mas ali não mais, seriamente e de olhos cerrados esperando para ser enfim encaminhada para luz onde o senhor espera onde possa ser feliz e esta em paz e quem sabe na expectativa de quem também me junte um dia para corremos pela eternidade em um lugar onde o outono era eterno a PRIMAVERA é eterna e incansavelmente maravilhosa e o verão sem fim, onde o INVERNO não existe… Inverno, inverno este que te levou para longe, ali em o que seria sua ultima cama onde seu corpo dormiria para sempre, era inverno e quando por fim começaram a descer seu caixão num coral todos disseram AMÉM! A única coisa que saiu de mim foi uma lágrima que escorreu pelo rosto.

Tenho que acordar os sonâmbulos acorda, afinal…

VEstibular – não sei pra que prestar…

Há momentos de minHa vida ilustre que quero ser Médico, mas não desses de boca de posto…

Há outros momentos que sou Advogado, mas não esses de boca de esquina que ao por aí…

Semana passada queria ser Astronauta mais tenho pavor a lugares pequenos, imaginei eu tendo que viajar naquelas imensas naves que tem lugar pra tudo menos pra você.

Então logo troquei, pensei em ser Professor não deu muito certo, coloquei minhas sobrinhas de cobaia, uma acabou com o olho inchado e a outra esta na U.T. I dispensei logo.

Então cogitei a idéia de Motorista, não serve, eu terei os meus próprios.download (1)

Então talvez Piloto de avião, mas lembrei que piloto é quase motorista…

JORNALISTA, PARAQUEDISTA, ROMANCISTA, LIRISTA, MAQUINISTA, MOTORISTA… não agüento mais falar em motorista, tira todas as profissões com ISTA, não serve.

Hoje pela manhã me veio uma bela idéia, acordado pelo barulho ensurdecedor do motor de uma moto, logo pensei aqui comigo mesmo, aqui não, na minha cama..

Motor, cantor, ator… Ééééé´

E de sobressalto levantei. – Serei ATOR (BEM VINDOS AO TEATRO)

Aprender a Aprender

Life is a precious gift. Don't waste it being ...

Life is a precious gift. Don’t waste it being unhappy, dissatisfied, or anything else you can be (Photo credit: @Doug88888)

Estou lutando para não pirar, olhando e olhando novamente para todos os lados só para não pirar, as coisas pesam como nunca pesaram antes os ombros estão doendo, mas dessa vez não é o corpo que dói, a dor que nunca sentir antes não é, e jamais poderá se considerar uma dor em vão, dessa vez dói na Alma, o rasgo foi na Alma, ela parece instável presa ao casulo ou a casca, chame como a quiserem. Não resta muito até que tudo desabe ou que todo esse caos provocado por essa instabilidade me torne outra pessoa mais forte e frio do que sou agora mais estável e cético do que hoje me tornei mais manipulador e sarcástico do que hoje eu sei que sou.

Nunca fui de delongas, pelo menos não quando se tratava de mim, quando se tratava de meus problemas, sempre acabava resolvendo, de uma forma ou de outra, na verdade todos acabam um dia resolvendo suas pelejas diárias, o caso aqui não esta num nível físico, apesar das conseqüências aparecerem em nível orgânico, mas se trata da Alma, do espírito, da mente, em nível desconhecido na maior parte pelas ciências que foram inventadas pelos homens para os homens, se trata de algo que não sei explicar como nasceu, cresceu e com toda certeza continuará, pois isso é a essência humana que no final define que nos torna seres tão iguais na sua origem e tão diferentes pelas atitudes perante tudo que nos cerca que nos moldam cultura, tempo, espaço, sociedade, enfim…

Assim de certa forma as coisas que estão me afligindo agora não mais permanecem chegam ficam por alguns momentos até eu encontrar um fim especifico para ela na minha cabeça e a tranco, esqueço por vezes até que alguém suja para reivindicá-las, isso esta causando todo esse alvoroço, pelo simples fatos de conseguir desenvolver a capacidade de esquecer mesmo que momentaneamente mesmo que isso não signifique muita coisa, mesmo que tenha que no final perder alguma coisa, mas isso já não importa.

Muita coisa já não me interessa tanto como antes, apenas o direito de continuar vivendo e aprendendo com esses seres bizarros que acham que conhecem tudo e todo mundo que encontram e desencontram a todo momento seus pares que brincam consigo mesmo brincam com a capacidade de te remodelar e controlar, talvez por isso a Alma travou, a isso ela reivindicou a não sofrer mais, a não continuar com uma coisa que a deixa instável, que a deixa sem opções a isso ela travou ela bloqueou e destruiu toda e qualquer lembranças que me faz lembra-me de você e de tudo que passamos juntos, ela travou para novos relacionamentos ela aprendeu a não se aprisionar como antes a não se entregar a não te procurar no fundo do poço nem querer ir ao centro da terra por você, quanto a todos os sentimentos estão em algum canto aqui dentro da mente travados, não faço a mínima onde mais estão em algum canto aprisionados.

Aprendi, é… Aprendi.